Brasão da Prefeitura Municipal de São Pedro da Aldeia com fita azul dedicado ao mês de Novembro em razão da campanha Novembro Azul.

Trabalho e desenvolvimento

“Educação do Campo” ensina a implantar e conduzir horta de pequeno porte em escolas municipais

Por Marianne Rodrigues em 28/06/2019
Imagem da Notícia: A Secretaria de Educação de São Pedro da Aldeia realizou o segundo encontro do curso de capacitação “Educação do Campo”, destinada aos profissionais atuantes na rede municipal de ensino. A qualificação acontece no Centro de Formação Continuada (CEFOR), no bairro Nova São Pedro, e tem como tutor o professor Ubirajara Ramos. O encerramento da formação está previsto para o mês de novembro.

A Secretaria de Educação de São Pedro da Aldeia realizou o segundo encontro do curso de capacitação “Educação do Campo”, destinada aos profissionais atuantes na rede municipal de ensino. A qualificação acontece no Centro de Formação Continuada (CEFOR), no bairro Nova São Pedro, e tem como tutor o professor Ubirajara Ramos. O encerramento da formação está previsto para o mês de novembro.


 


No segundo encontro, os profissionais aprenderam sobre a implantação e condução de uma horta de pequeno porte. Além das técnicas, também foram abordados o período do plantio, a terra a ser utilizada e toda a confecção a ser trabalhada com os alunos. Todos os cursistas receberam um recipiente biodegradável e reciclável, uma caixa de ovos, para semear em sala de aula.



 

A "Educação no Campo" é uma modalidade que ocorre em locais denominados rurais. O tutor do curso, Ubirajara Ramos, falou sobre o encontro. “Ao todo, 18 escolas estão representadas por professores na capacitação e terão suas hortas. Eles vão aproveitar a colheita na hora da merenda, pois acredito que em três meses já estarão colhendo”, comentou.


 

A professora de Geografia da Escola Mz. Retiro, Cassia Mendes, falou sobre a importância do curso. “Para nós, que trabalhamos em escolas da zona rural, é muito importante abordar essa questão com os alunos, já que isso faz parte da realidade deles; eles saberem o manuseio com a terra, que através dela pode gerar alimentos, esse contato é fundamental. Estou feliz em participar do curso. A equipe organizadora está de parabéns”, disse.


 

        As escolas participantes da formação, representada por professores, são E. M. Jamila Motta da Silva e E. M. Dulce Jotta Mendes, ambas no bairro São João; E. M. Rubem Arruda Câmara e E. Mz. Adalgiza da Silva Lobo, ambas no Morro dos Milagres; E. M. Profª Carolina Nazareth Teixeira Pinheiro, na Estação; E. M. Jardim Primavera, localizada em bairro de mesmo nome; E. M. Profª Maria da Glória Santos Mota, em Praia Linda; E. Mz. Retiro, em bairro de mesmo nome; E. Mz. José Guimarães, no Porto da Aldeia; E. M. Aurelino Martins dos Santos, na Colina; E. Mz. Paulo Roberto Marinho, em São Matheus; E. M. Dr. Plínio de Assis Tavares, em Pau Ferro; E. M. Vinhateiro, em bairro de mesmo nome; E. M. Luiza Terra de Andrade, no Campo Redondo; E. Mz. Elízio da Costa Moreira, em Três Vendas; E. M. Antônio Vaz da Silva, no Recanto do Sol; E. M. Barnabé Mariano de Souza, na Cruz; e Creche M. C. Dona Chica, no Morro do Milagre.